Monday, March 03, 2008

Enquanto isso na tenda do pajé...

A "sociedade" fica ali no coração da Vila Isabel ( um dia ainda faço um post sobre como venho me apaixonando por esse bairro), já na vista do Morro dos Macacos.

É uma coisa Allan Kardec meets Santo Daime. Mais leitura do Novo Testamento e conselhos sobre a vida. Ok, se eu não tivesse sido absolutamente sugada pelo momento eu poderia ser cínica aqui e criticar o mau Português ou a sabedoria de rodoviária.

Mas nem sei bem se foi a beberagem, os passes ou as palavras reconconfortantes e compreensivas, mas eu saí da salinha me sentindo tão bem e e esperançosa. Mesmo com o sacerdote me dizendo para não comer carne, fumar, beber ou fazer sexo durante três dias.

Eu: (...)
Ele: Tá bom, minha filha, vem numa terça da próxima vez. E aproveita pra fazer a preparação três dias antes também, para a gente conseguir mais efeito. Vai com Deus. Smacks.

Como se o doutor Alberto tivesse me desalexandrado, sabem? Uma delícia ser eu agora, gente.

15 comments:

Rickão... said...

Com tanta gente dizendo: "É tão difícil ser eu", foi legal ler um "Uma delícia ser eu agora". Mando vibrações poderosíssimas pra ti!

Marion said...

E você cumpriu as recomendações ????

Nunca fui num lugar assim. O que vale é você ter se sentido bem. Estas coisas tem poder.

Beijos

Andrea said...

Rickão, deixa o endereço do teu blog.

Hmmm. amiga, eu estive na tenda na sexta. Impossiible. (Menos a parte do sexo, infelizmente)

Ingrith said...

Andrea "Euuuuuuuu sou brasileiro, com muito orgulho, com muito amor..." ops isso é só na copa!

Mas então, meus avôs são da Alemanhã. Mas sou filha de um catarinense com uma mineira!!!

Ow, num tem outra religião legal assim e tal, mas que não precise ficar sem sexo?

[ r ê ] said...

já pensou em perguntar pq tem q fazer esse jejum e essa preparação?

povo que num guenta 3 diazinhos sem dar uma!rs

Ice Ice Baby said...

ui, Vila Isabel? Adonde chuchu???
Eu suuuuuuuper q conhece a Vila!

bjs

Tati Tatuada said...

Batalha, acho que tudo que nos faz bem é bom, simples assim.
Beijos.

carol said...

moro entre tijuca e vila isabel, ali no boulevard, venha me visitar!
qd eu estudava na uerj tinha dias que ia correndo pela rua pra ver se juntava as notas da calçada e formava algum samba...

mas me explica: estou solteira e encalhada, não suporto comer carne e não fumo. vai ter resultado em alguma coisa? hehe

beijos!
(é a carol de melrose)

Carolina said...

só mais um comentário: eu ando até vila pra pegar meu ônibus e ultimamente tem me batido o hairspray e fico naquele espírito [i]good morning viiiila isabeeeel[/i]

dividimos a fase boa.
ou no meu caso, são as cápsulas de guaraná.

Andrea said...

Uma das coisas que eu amo na Vila, para além das calçadas musicais, é justamente esse espírito de "everyday is an ope-en doooor" encontrando suburbia.

Rickão... said...

Déia, óia o endereço:
www.sopadeouro.blogspot.com
Tá no comecinho. Mas ainda dá tempo de ver alguns posts antigos..
Beijões!

Ril said...

vila isabel? já vou agendar a proxima visita ao rio

Helen said...

Tô super pagando pra ler o post pós-três dias de preparação!

Ana said...

perdi alguma coisa? Tá virando bibra?

AGATHA said...

seu blog é uma delícia de se ler...sabia ?

beijocas